Quicklists
This content requires JavaScript and Macromedia Flash Player 7 or higher. Get Flash

O Casamento de Carlitos - Charles Chaplin 1914

wilson

3 K Exibições

Sinopse: Chaplin interpreta Charlie, um mulherengo que conhece Tillie após ter brigado com sua namorada Mabel. Quando ele vê o pai de Tillie sacando grande quantidade de dinheiro no banco, ele a convence a fugir com ele.Na cidade ele reencontra Mabel e, de comum acordo, eles embebedam Tillie em um restaurante, pegam o dinheiro dela, e fogem juntos. Tillie acaba sendo presa, pois está sem dinheiro para pagar a despesa do restaurante.Ainda naquele dia, o casal assiste a uma apresentação chamada A Thief’s Face (Um Rosto Bandido). A medida que a apresentação vai transcorrendo, os dois não se sentem bem com o que vêem, e se retiram do teatro.Enquanto estão sentados em um banco de um parque, um menino que vende jornais pede a Charlie que compre um. Charlie compra e, quando vê a manchete na primeira folha, fica pasmo, pois o tio de Tillie, um milionário que tinha morrido enquanto estava em uma expedição, havia deixado três milhões de dólares para Tillie, a sua herdeira.Charlie, então, abandona Mabel e volta a procurar Tillie. Ele a convence que o aceite novamente e que se casem. O casal se muda para a mansão do tio e dão uma grande festa, mas Tillie flagra seu esposo com sua antiga namorada e atira neles. O tio, que na realidade não tinha morrido, retorna para casa, chama a polícia e expulsa os três, que fogem até uma doca onde Tilie é atingida por um carro e cai na água, mas é salva. Finalmente, as duas mulheres se dão conta que que Charlie não presta, o abandonam, se tornam amigas, e Charlie vai embora. Data de Lançamento: 14 de Novembro de 1914 Elenco Charles Chaplin (Carlitos) Chester Conklin (Sr. Whoozis) Mabel Normand (Mabel, namorada de Charlie) Mack Swain (John Banks, pai de Tillie) Marie Dressler (Tillie Banks)

Por favor, selecione o nome da lista de reprodução a seguir

Sinalizar Vídeo

Selecione a categoria que melhor reflete sua preocupação com o vídeo, para que possamos analisá-lo e determinar se ele viola nossas diretrizes da comunidade ou se não é apropriado para todos os espectadores. O uso abusivo desse recurso também é uma violação das diretrizes da comunidade, por isso, não faça isso.

0 Comentários